Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/4846
Título: Panorama nacional da medicação de cães e gatos sem aconselhamento médico-veterinário
Autor: Pinto, Ana Filipa Raimundo
Orientador: Norte, Jorge Miguel da Palma Flores
São Braz, Berta Maria Fernandes Ferreira
Palavras-chave: Medicamentos
intoxicação
cão
gato
aconselhamento veterinário
medicines
intoxication
dog
cat
veterinarian advise
Data de Defesa: 6-Nov-2012
Editora: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Pinto, A.F.R. (2012). Panorama nacional da medicação de cães e gatos sem aconselhamento médico-veterinário. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: A assistência médica a casos graves devidos à administração de medicamentos a animais de companhia pelos seus donos é uma realidade frequente na prática clínica dos médicos veterinários em Portugal. O elevado número de casos, não raras vezes fatais, que ocorrem em cães e gatos após a administração indevida de medicamentos cuja composição inclui substância ativas como o paracetamol, o ibuprofeno, o ácido acetilsalicílico ou outros anti-inflamatórios não esteroides e também de substâncias antiparasitárias como a permetrina, foi a principal motivação para o desenvolvimento deste trabalho. Após uma abordagem inicial aos factores que podem contribuir para a prática referida, à existência de estruturas de informações e apoio especializado a intoxicações em animais e ao nível de formação em relação a medicamentos de uso veterinário e saúde animal adquirido pelos alunos de todas as instituições que lecionam cursos de Ciências Farmacêuticas em Portugal, é apresentada uma caracterização das substâncias ativas constituintes de medicamentos frequentemente envolvidos em intoxicações, com especial destaque para a sua periculosidade/toxicidade e risco de utilização em cães e gatos. O panorama nacional atual da medicação de cães e gatos sem aconselhamento médico-veterinário foi avaliado através da perspetiva dos médicos veterinários clínicos e dos proprietários, considerando parâmetros como o aconselhamento não especializado, as substâncias mais implicadas, as motivações dos donos, o grau de sensibilização da população para o perigo e propostas para a diminuição das ocorrências. No final deste trabalho foi possível concluir que a medicação de cães e gatos sem aconselhamento médico-veterinário é uma realidade com a qual a maioria dos médicos veterinários clínicos em Portugal se debate diariamente. A falta de informação adequada disponível para os proprietários, e a existência de fontes de aconselhamento não especializadas, parecem ser as causas principais para a ocorrência de situações que envolvem uma medicação incorreta e que comprometem a saúde e bem-estar animal.
ABSTRACT - National outlook of dogs and cats medication with without veterinarian advice - The medical attendance to severe cases subsequent to the administration of medicines to pets by their owners is a frequent reality in the clinical practice of veterinarians in Portugal. The high number of cases, sometimes fatal, that occur in dogs and cats after administration by misuse of drugs containing active substances such as paracetamol, ibuprofen, acetylsalicylic acid and other nonsteroidal anti-inflammatory drugs, as well as products with permethrin in its composition, was the primary motivation for the development of this work. After an initial approach to the factors which contribute to this procedures, to the existence of information and support services specializes in animal intoxications and to the knowledge about veterinary-use medicines and animal health that is acquired by the students from all the institutions that teach the Pharmaceutical Sciences course in Portugal, follows a characterization of the active substances present in medicines that more frequently cause intoxications, highlighting its toxicity and administration risks to dogs and cats. The current national outlook of dogs and cats medication without veterinarian advise was analysed through the veterinarians and owners perspective, considering parameters as non-specialized counselling, substances primary involved, owners motivations, degree of the population’s awareness to the danger and proposals to reduce the occurrences. At the end of this study it was possible to conclude that the medication of dogs and cats without veterinarian advise is a reality with which most veterinarians in Portugal deal daily. The lack of proper information available to the owners and the existence of non-specialized advising sources appear to be the primary causes to the occurrence of situations involving inappropriate medication that compromise animals health and welfare.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/4846
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Panorama nacional da medicaçao de caes e gatos sem aconselhamento medico-veterinario.pdf1,96 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.