Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/4828
Título: Análise da procura e consumo desportivo do concelho de São Brás de Alportel e a política desportiva do município
Autor: Bernardo, Dulce Cláudia Paixão
Orientador: Colaço, Carlos Jorge Pinheiro
Palavras-chave: Atividade física
Autarquias
Consumo
Hábitos desportivos
Instalações
Metodologia
Munícipes
Data de Defesa: 2011
Citação: Bernardo, Dulce C. P. (2011). Análise da procura e consumo desportivo do concelho de São Brás de Alportel e a política desportiva do município. Dissertação de Mestrado em Gestão do Desporto. Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Motricidade Humana.
Resumo: Vários estudos sobre os comportamentos da população face à atividade física e ao desporto têm sido realizados a partir da década de setenta, pela maioria dos Estados- Membros do Conselho da Europa, com o intuito de conhecer a adesão ao desporto e as apetências das diferentes populações, face às necessidades da oferta desportiva. Segundo a Constituição da República Portuguesa, todos os cidadãos têm direito à prática de atividade física e desportiva. Assim, esta atribui às Autarquias, enquanto estruturas de poder político, incumbências legais, de forma a dar resposta às necessidades dos seus munícipes. A autarquia, pela maior proximidade junto dos cidadãos, desempenha um papel preponderante, destacando-se pela sua intervenção como entidade promotora de atividades físicas, desportivas e lazer. Salientamos que as políticas desportivas municipais assumiram nas últimas décadas, uma relevante e crescente importância. Este trabalho teve como objetivo, conhecer e analisar a procura e consumo desportivo do concelho de São Brás de Alportel e a política desportiva do município. Recorremos à metodologia de natureza quantitativa, através da aplicação de questionários à população do concelho e, à metodologia de natureza qualitativa, através da aplicação de uma entrevista aos principais decisores e responsáveis políticos. Os questionários foram tratados com recurso a procedimentos de estatística descritiva, e, a interpretação da entrevista, foi realizada através da análise de conteúdo. Após análise dos resultados, verificámos que: (1) 65,9% da população inquirida pratica atividade física e desportiva regularmente, no âmbito da manutenção e recreação. 38,4%, praticam-na em instalações públicas, e 55,5% da população, considerou que, as condições existentes no concelho para a prática de atividade desportiva são boas; (2) Resultante da entrevista realizada, verificamos que a política desportiva municipal manifesta-se como uma das principais preocupações do município, intervindo como entidade promotora de atividade física e desportiva, conseguindo dar resposta às necessidades de todos os seus munícipes, de todas as idades, desde os mais novos aos seniores.
Descrição: Mestrado em Gestão do Desporto
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/4828
Aparece nas colecções:BFMH - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese Final Dulce Bernardo_.pdf3,12 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.