Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/4354
Título: Modelo de previsão de Corporate CDS Spreads - mercado europeu
Autor: Gaspar, Bruno António Rosado
Orientador: Luís, Jorge
Palavras-chave: Risco de Crédito
Market Spread
Credit Default Swap
Credit Risk
Data de Defesa: Jan-2012
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Gaspar, Bruno António Rosado. 2012. "Modelo de previsão de Corporate CDS Spreads - mercado europeu". Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: O objectivo deste trabalho consiste na definição de um modelo econométrico com forte evidência estatística para explicação da evolução dos market spreads dos principais emitentes europeus. O modelo explicativo foi especificado a partir de variáveis endógenas e exógenas às diversas entidades que compõem o índice bolsista DJ Eurostoxx 50. A modelização foi efectuada em duas fases em que na primeira foi definido um modelo do tipo ARIMA (1,1,0) para um total de seis variáveis. Após a análise à aderência do modelo, foram excluídas as variáveis com menor significância estatística, tendo assim sido definido um novo modelo com maior robustez e parcimônia. No âmbito da análise efectuada, verificou-se uma forte auto-correlação entre as variações percentuais verificadas nos spreads diários, bem como fortes relações estatísticas com a rendibilidade das acções, com os spreads soberanos dos países nos quais a empresa se enquadra para além da taxa de juro de mercado monetário Euribor 12M. Verificou-se, ainda, uma maior sensibilidade dos emitentes espanhóis do que dos emitentes alemães ou franceses face ao spread do próprio país. Por último, foi aplicado o modelo aos emitentes nacionais com CDS spreads divulgados numa base regular pelo sistema de informação Bloomberg tendo sido apuradas conclusões semelhantes aos restantes emitentes europeus. O modelo adoptado permite a previsão a um dia com um forte grau de fiabilidade, sendo que para diferenças temporais superiores o modelo mostra-se menos robusto.
The purpose of this working project consists in the definition of an econometric model with strong statistical evidence in order to explain the evolution of the main European issuers market spreads. The model adopted endogenous and exogenous variables to the DJ Eurostoxx 50's members. The APvIMA (1,1,0) model adopted to preview was implemented in two steps and in the first one six variables were considered. After the trial model analysis the model was simplified through the exclusion of the statistically insignificant series. The methodology followed permits an adoption of more parsimonious and predictive model. It was concluded that the daily relative changes of the spreads have strong autocorrelation. Relationship with equity performance, sovereign spreads and Euribor 12M was also found. It was verified that Spanish issuers have more sensibility to the sovereign spread than French and German issuers. This model was also to the main Portuguese issuers with public information disseminated in Bloomberg information system. Similar conclusions were obtained. The model adopted is useful to one-day forecasts but not to longer horizons.
Descrição: Mestrado em Finanças
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/4354
Aparece nas colecções:BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
DG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-BARG-2012.pdf602,13 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.