Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/4234
Título: Efeitos do cobre no sargo (Diplodus sargus, Linnaeus 1758) : implicações quer a nível fisiológico, quer de crescimento
Autor: Vaz, Cristiana Lourenço de Oliveira
Orientador: Soares, Florbela Maria B.
Afonso, Fernando Ribeiro Alves
Palavras-chave: Diplodus sargus
Sargo
Cobre
Toxicidade
White seabream
Copper
Toxicity
Data de Defesa: 20-Dez-2011
Editora: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: VAZ, C. L. O. (2011). Efeitos do cobre no sargo (Diplodus sargus, Linnaeus 1758): implicações quer a nível fisiológico, quer de crescimento. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Instituto Superior de Agronomia, Lisboa.
Resumo: O recente crescimento da aquacultura, juntamente com a introdução de novas espécies de peixes em sistemas de produção intensivos, levou a um aumento da ocorrência e diversidade de agentes patogénicos. O sulfato de cobre tem sido amplamente utilizado para a prevenção e controlo de ectoparasitas, contudo, pode tornar-se tóxico a altas concentrações, comprometendo a integridade fisiológica dos peixes. Deste modo, o objectivo deste estudo foi analisar os efeitos de diferentes concentrações de cobre a nível da toxicidade deste sobre diferentes tecidos, a nível do crescimento e comportamento de juvenis de sargo (Diplodus sargus). Neste estudo, os indivíduos foram, durante um período de 23 dias, expostos a 0,2 mg L-1, 0,5 mg.L-1 e 1 mg.L-1 de cobre. Num segundo ensaio submeteram-se juvenis de sargo com um peso médio de 70,71 ± 18,89 g a concentrações de cobre de 0,25 mg.L-1 e 0,5 mg.L-1, durante 60 dias. Os resultados demonstraram que a concentração de cobre no fígado difere significativamente entre os tratamentos testados e, que no músculo não existiam diferenças significativas. As observações dos tecidos revelaram diversas alterações ao nível da estrutura do tecido branquial e hepático, entre os indivíduos expostos a diferentes tratamentos. O grau de alterações morfológicas observadas diferiu de acordo com o período de exposição e com o tratamento experimental. No entanto, também foram detectadas alterações de intensidade variável entre indivíduos expostos ao mesmo tratamento. Estas serão, possivelmente, devido a diferentes mecanismos de adaptação às diferentes concentrações. O tratamento prolongado com cobre não parece influenciar o crescimento dos indivíduos. A análise comportamental reflecte que houve diferenças significativas entre os indivíduos controlo e os indivíduos expostos ao cobre, na quantidade de alimento consumido.
ABSTRACT - Effects of copper on white seabream (Diplodus sargus, Linnaeus 1758):physiological implications and growth - The recent growth of aquaculture and the introduction of new species of fish in intensive production systems, contributed to the occurrence of more and new pathogenic agents. Copper sulfate has been widely used for the prevention and control of parasites. However, it can be toxic at high concentrations, compromising the physiologic integrity of the fish. The objective of this study the effects of the copper in the tissues, in the growth and in the behavior of juvenile sea bream (Diplodus sargus). In this study, the fish were exposed, during a period of 23 days, to 0.2 mg.L-1, 0.5 mg.L-1 and 1 mg.L-1 of copper. In a second trial, juvenile sea bream, with an average weight of 70.71 ± 18.89g, were submitted to concentrations of copper of 0.25 mg.L-1 and 0.5 mg.L-1 for 60 days. The results show that the concentration of copper in the liver is significantly different among the treatments. In the muscle, there were no significant differences. In the tissues, it was observed several changes on the normal structure of the gills and of the hepatic tissues, among the individuals exposed to different treatments. The degree of morphological changes was different according to the period of exposure and to the experimental treatment. We also detected variable level changes among individuals exposed to the same treatment. It suggests that might exist different adaptation mechanisms, dependent on the copper concentrations. The duration of the copper treatment doesn't seem to influence the growth of the fish. The behavioral analysis, regarding the amount of food consumed shows that there were important differences in the group subjected to copper treatment when compared to the control group.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Engenharia Zootécnica-Produção Animal
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/4234
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado
DPASA - Teses de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
EFEITOS DO COBRE NO SARGO (Diplodus sargus, Linnaeus 1758).pdf2,55 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.