Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/4005
Título: Análise de modelos de solvência no âmbito do projecto solvência II : desenvolvimento de um modelo interno parcial numa companhia de seguros não vida
Autor: Simões, Ana Luísa Madeira
Orientador: Cardoso, Rui
Palavras-chave: Requisito de Capital
Projecto Solvência II
Modelos de Solvência
Risco de Subscrição Não Vida
Modelos Estocásticos
Medidas de Risco
Solvency II Project
Quantitative Impact Studies
Solvency Models
Non Life Insurance Risk
Stochastic Models
Risk Measures
Data de Defesa: Abr-2008
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Simões, Ana Luísa Madeira. 2008. "Análise de modelos de solvência no âmbito do projecto solvência II : desenvolvimento de um modelo interno parcial numa companhia de seguros não vida". Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: Perceber até que ponto uma Companhia de Seguros tem capacidade para honrar os seus compromissos para com os tomadores de seguros, ou outros intervenientes envolvidos, justifica a necessidade de construção de um modelo de solvência que permita às Empresas de Seguros identificarem, medirem e gerirem adequadamente os riscos a que estão expostas com o intuito de calcularem um requisito de capital o mais adequado possível. Na presente dissertação pretende fazer-se uma análise global da evolução do regime de solvência na União Europeia que culmina no projecto Solvência II em actual desenvolvimento através de estudos de impacto quantitativo. Com vista à realização de uma possível análise comparativa abordar-se-ão as versões standard de outros sistemas de solvência baseados no risco, em vigor em vários países. Com o intuito de exemplificar o que poderá ser a construção de um modelo interno de solvência, identificar-se-ão os principais factores de risco que afectam a actividade seguradora, dando especial atenção ao risco de subscrição não vida. Aplicando os dados de uma seguradora não vida, este irá ser modelado calculando as necessidades de capital dele resultantes, fazendo uso de modelos estocásticos e recorrendo às medidas de risco Value at Risk e Tail Value at Risk.
To understand until which point an Insurance Company has the ability to honour their obligations to the policyholders or others stakeholders, justifies the need to develop a solvency model that allows Insurance Companies to identify, measure and manage properly the risks to which they are exposed, with the purpose of estimating adequately, as much as possible, the capital requirement. The present dissertation intends to globally analyse the evolution of the solvency regime on the European Union that culminates in the Solvency II project under development making use of quantity impact studies. Aiming a possible comparative analysis, other solvency systems based on risk, in use by several countries, will be approached on its standard version. With the purpose of showing the possible construction of an internal solvency model, the main risk factors that affect the insurance activity will be identified, taking special attention to the non life subscription risk. Using data from a non life insurance company, this will be modelled by calculating its capital needs, making use of stochastic models and applying the risk measures Value at Risk e Tail Value at Risk.
Descrição: Mestrado em Ciências Actuariais
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/4005
Aparece nas colecções:BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
DM - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-ALMS-2008.pdf6,16 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.