Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/3494
Título: Princpais diferenças entre o Plano Geral de Contabilidade de Angola e o Sistema de Normalização Contabilística de Portugal
Autor: Cruz, Carmem Marialva Pinto da
Orientador: Gaio, Cristina
Palavras-chave: Harmonização e normalização contabilística
SNC
PGCA
Angola
Portugal
Harmonization and accounting normalization
Data de Defesa: Jun-2011
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Cruz, Carmem Marialva Pinto da. 2011. "Principais diferenças entre o Plano Geral de Contabilidade de Angola e o Sistema de Normalização Contabilística de Portugal". Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão
Resumo: A normalização contabilística internacional representa uma forte atracção para as grandes empresas ou grupos empresariais com acções cotadas no mercado internacional ou que pretendam apostar na internacionalização e captar capital para os seus países. No caso de Angola, um país que neste momento está em franca expansão no que respeita à definição de relações económicas e comerciais, sendo por isso importante que o seu Plano Geral de Contabilidade seja submetido a alterações que lhe permitam aproximar-se das normas internacionais. O presente trabalho, tem como objectivo identificar as diferenças de maior relevância entre o Plano Geral de Contabilidade de Angola e o Sistema de Normalização Contabilística (SNC) de Portugal. Neste contexto foram identificadas as principais diferenças, no que respeita à terminologia, às classes de contas e aos modelos das Demonstrações Financeiras. Saliente-se que no caso de Portugal, a adopção do SNC, representa um marco muito importante na história da contabilidade portuguesa, permitindo um alinhamento às directivas e regulamentos em matéria contabilística da EU. O SNC garante transparência, comparabilidade e padronização da informação, o que irá promover a tomada de decisão dos investidores em diferentes mercados. Numa etapa conclusiva, o presente trabalho visa destacar a importância da normalização contabilística face aos desafios da globalização, evidenciando a necessidade de actualização do Plano Geral de Contabilidade de Angola de modo a acompanhar os padrões contabilísticos internacionais. Com a abertura da Bolsa de Valores e derivados de Angola, no mercado secundário em funcionamento sentir-se-á a verificação de contas das empresas cotadas através da intervenção de auditores independentes, por outro lado, o sistema fiscal angolano necessita de uma reforma, uma vez que Angola evidencia características latinas devido ao processo de colonização, reflectindo-se também grande influência da fiscalidade sobre a contabilidade.
The international accounting normalization represents a strong attraction for the great companies or business groups with shares quoted in the international market or those that intend to internationalize themselves and to collect capitals for their countries. In case of Angola, it is a country that at this moment is growing in terms of economical and commercial relations, being therefore important that its General Accounting Plan may be submitted to the alterations that may allow it greater approach to the international norms. One intends with this work, to identify the main differences between the General Accounting Plan of Angola and Accounting Normalization System of Portugal. In the circumstances, we identify the main differences relatively the terminology, classes of accounts and also in the financial demonstrations models. It is to enhance that in case of Portugal, the adoption of the SNC represents a very important landmark in the history of the Portuguese accounting. Once it is aligned with the directives and regulations on the accounting subject of EU, the SNC guarantees transparency and comparability of the information influencing thus the investors’ decisions in different markets. As conclusion this work enhances the importance of the accounting normalization faced with the challenges of the globalization, evidencing the necessity of the General Accounting Plan of Angola in order to follow international accounting standards. With the opening of the stock exchange and derivative of Angola, the secondary market in operation will imply the necessity of verification of the companies accounts quoted by independent auditors, on the other hand, the Angolan tax system needs a tax reform, because Angola has characteristics due to the colonization process, great influence of the tax affects the accountancy.
Descrição: Mestrado em Contabilidade, Fiscalidade e Finanças Empresariais
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/3494
Aparece nas colecções:DM - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
trab carmem.pdf849,69 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.