Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/3473
Título: Teste de eficiência semiforte do PSI20 no período 2008-2010
Autor: Vasco, José João Saraiva
Orientador: Garcia, Maria Teresa Medeiros
Palavras-chave: Eficiência dos Mercados
Eficácia da Divulgação
Rendibilidades Anormais
Estudo de Eventos
CMVM
Teoria da Eficiência do Mercado
Boas e Más Notícias
Market Efficiency
Disclosure's Effectiveness
Abnormal Returns
Event Studies
CMVM
Efficient Market Theory
Good and Bad News
Data de Defesa: Jun-2011
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Vasco, José João Saraiva. 2011. "Teste de eficiência semiforte do PSI20 no período 2008-2010". Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão
Resumo: Neste estudo vai ser aprofundado o tema da eficiência dos mercados financeiros, testando essa eficiência na sua forma semiforte. Analisou-se, então, qual a eficácia da divulgação de factos relevantes por parte das empresas emitentes de acções cotadas admitidas à negociação no índice PSI20. Assim sendo, tentou-se determinar se a sua divulgação contém informação útil para o mercado, descobrir de que forma esta é incorporada no preço das acções e testar se há evidência empírica para concluir que há a possibilidade de alguém ter obtido rendibilidades consideradas anormais em torno do dia da divulgação dos factos relevantes escolhidos para o estudo. Para esse efeito, utilizou-se a metodologia clássica de estudos de acontecimentos (event studies). Através dela, foi testada a hipótese da eficiência semiforte do índice principal do mercado de acções português. Quanto à estrutura, começou-se por contextualizar este trabalho no tempo, apresentando um olhar sobre a conjuntura económica no período que escolhi para a análise (2008¬2010) e no período que o antecedeu. Após enquadrar a situação económica do mundo e feitos os alertas para uma fiscalização mais apertada nos mercados, apresenta-se o contexto legal do mercado português, encabeçado pela CMVM, no qual se fornecem dados sobre o dever de divulgação dos factos relevantes pelas sociedades cotadas. De seguida, foi feita uma revisão da literatura sobre o tema, procurando fazer a ponte entre os vários autores históricos que no século anterior se destacaram na análise da teoria da eficiência do mercado, mais especificamente no estudo de eventos, e os que estudaram e evoluíram o conceito já no século XXI. Quanto ao capítulo 4, dividiu-se em dois temas que podem enviesar a análise dos eventos: a análise técnica, utilizada pelos traders para negociar nos mercados financeiros, e as finanças comportamentais. Depois fez-se um breve resumo do mercado português e da constituição do PSI20. No capítulo 6, foi descrita a metodologia adoptada para o estudo, bem como a recolha dos dados. Assim, calculou-se a rendibilidade anormal (AR) que é a diferença entre a rendibilidade efectiva e a rendibilidade esperada. Os parâmetros desta última foram calculados pelo método dos mínimos quadrados (OLS). Depois calcularam-se a rendibilidade anormal média (AAR) e a rendibilidade anormal média acumulada (CAAR). Foi através destas que foram efectuados os testes à normalidade das rendibilidades para concluirmos se houve realmente evidência empírica que indicie a existência de rendibilidade anormal. Após essa descrição apresentam-se então, através dos testes descritos no capítulo anterior, os resultados empíricos. Foram igualmente apresentados os resultados dos testes efectuados por classificação dos eventos, divididos entre "Boas" e "Más" notícias, segundo as suas rendibilidades reais no dia 0. No capítulo final, foram tiradas conclusões sobre o trabalho efectuado e os resultados que este providenciou. As conclusões demonstram que o mercado português não é eficiente na sua forma semiforte.
This study discusses the subject of efficiency of financial markets, testing the efficiency in its semi-strong form. Then, we analyzed how effective is the disclosure of relevant facts reported by companies that belong to index PSI20. Therefore, we attempted to determine whether disclosure contains information useful to the market, find out how that is incorporated into the share price and test whether there is empirical evidence to conclude the possibility of someone have obtained abnormal returns around the day of relevant fact's disclosure chosen for the investigation. To test we used the classic methodology of event studies. Through that, we tested the hypothesis of semi-strong efficiency of main index Portuguese stock market. At the first chapter, we began to contextualize this work in time, presenting a look at the economic situation in the period chosen for analysis (from 1st January 2008 to 31th December 2010) and the period that preceded it. After framing world's economic situation and made the alerts for a stricter monitoring the markets, it presents the legal context of the Portuguese market, spearheaded by CMVM, where we provide data about the duty of disclosure relevant facts by listed companies at PSI20. Next, we performed a literature review about the market informational efficiency's theory, trying to bridge the gap between several historical scholars in the previous century who studied the subject of market efficiency, more specifically in the event studies, and those who have studied and developed the concept already at the 21th century. At chapter 4, we divide it into two issues that may skew the analysis of events: the technical analysis, used by traders at financial markets, and behavioral finance. Then, we did a brief summary of Portuguese market and the formation of PSI20. At chapter 6, we described the methodology adopted for the study and data collection. Thus, we calculated the abnormal return (AR) which is the subtraction between the actual return and expected return. About expected return, the parameters we calculated by the method of least squares (OLS). Then, we calculated the average abnormal return (AAR) and cumulative average abnormal return (CAAR). It was through AAR and CAAR that we formulated the hypothesis of normality of returns in order to conclude if there was empirical evidence that indicates the existence of abnormal returns. After that description is then presented the empirical results of the tests described in the previous chapter. We also presented results of tests according to the categorization of announcement, "Good news" and "Bad news", based on the day 0's rate of return. The final chapter reveals the conclusions and the results provided. The findings show us that the Portuguese market is not efficient in its semi-strong form.
Descrição: Mestrado em Finanças
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/3473
Aparece nas colecções:BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
DG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação de Mestrado - José João Saraiva Vasco - Junho 2011.pdf1,13 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.