Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/3388
Título: Perspectiva e arquitectura. Uma expressão da inteligência no trabalho de concepção
Autor: Costa, Manuel Jorge Rodrigues Couceiro da Costa
Orientador: George, Frederico
Palavras-chave: Desenho
Geometria
Comunicação visual
Arquitectura
Data de Defesa: Set-1993
Editora: Faculdade de Arquitectura de Lisboa.
Citação: COSTA, Manuel Jorge Rodrigues Couceiro - Perspectiva e arquitectura. Uma expressão da inteligência no trabalho de concepção. Lisboa : FA, 1993. Tese de Doutoramento.
Resumo: A perspectiva tem no processo conceptual dos arquitectos um importante papel. Nascendo como uma forma de representação, instituiu-se rapidamente como um modelo de pensamento, com fortes influências na sociedade e no espaço mental dos arquitectos. Como desenho, enquanto instrumento conceptual, a perspectiva integra e colabora na definição das estratégias do processo, podendo sintetizar numa só imagem uma ideia global apriorística, participar no intenso esforço de coordenação, que é característica fundamental da acção dos arquitectos e, mais que uma mera simulação visual, transmitir mensagens mais profundas acerca das intenções operatórias do autor. A execução da perspectiva - atendendo por um lado a essa intenção operatória (simulação visual, evocatória ou simulação espacial) e, por outro lado, ao modo de conhecimento do objecto (desenhos geométricos rigorosos, apontamentos aproximados ou dados não quantificados ) poderá ser mais ou menos "rigorosa", socorrer-se, alternativamente, de várias geometrias específicas. Resumindo, trata-se de uma expressão da inteligência no trabalho de concepção arquitectónica. PERSPECTIVE AND ARCHITECTURE - AN EXPRESSION OF INTELLIGENCE IN DESIGN PROCESS
Perspective plays an important role in the architectural design process. Originally an instrument of iconographic representation it rapidly formed the basis of a patternof thinkingwhich exerted its influence, not only on the conceptualization of architects, but also on society in general. As conceptual drawing, perspective has helped to define strategies of design. On a single image it can synthesize and express a main, global idea; it can develop coordination, fundamental to architects; and, more than a plain visual simulation, it can transmit deeper messages about its author's functional intentions. Drawing a perspective—having mind an intended function (visual simulation, expression of an idea, or spatial simulation) and also having in mind the way an object is to be portrayed (geometric drawings, sketches, or non-quantified data)—can be done in a more, or less, "rigorus" manner, and alternatively, on different levels with different specific geometries. On short, perspective is an expression of intelligencein the architectural design process.
Descrição: Tese de Doutoramento em Arquitectura, na especialidade de Comunicação Visual
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/3388
Aparece nas colecções:DDCV - Teses de Doutoramento / Ph. D. Thesis
BFA - Teses de Doutoramento / Ph. D. Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
td 28.pdf58,48 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.