Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/3321
Título: Concepções e práticas dos educadores de infância sobre o desenvolvimento da literacia
Autor: Marques, Liliana Gonçalves Fernandes
Orientador: Mata, Maria de Lourdes Estorninho Neves da
Palavras-chave: Comportamentos e concepções
Concepções dos educadores
Educação pré-escolar
Linguagem escrita
Literacia emergente
Práticas de literacia
Data de Defesa: 2011
Resumo: Este estudo teve como principal objectivo caracterizar as concepções de um grupo de educadores de infância sobre o desenvolvimento da linguagem escrita e de que modo estas se relacionam com as práticas pedagógicas. As crenças e as concepções que os educadores desenvolvem são importantes porque influenciam não só a forma como vão agir, mas também como vão apreender, processar e interpretar a informação dos contextos educativos onde desenvolvem a sua prática. Em Portugal, em 1997, foram publicadas as Orientações Curriculares para a Educação Pré-escolar (Ministério da Educação, 1997), com alguma tomada de posição sobre o papel da linguagem escrita no jardim-de-infância associada a perspectivas de literacia emergente (Holísticas). Contudo, não é clara a forma como estas ideias têm sido transpostas para as práticas pedagógicas em contextos de jardim-de-infância. Através de um questionário passado a 91 educadores, verificou-se que estes divergiam nas suas concepções, evidenciando uns concepções bastante mais Holísticas (associadas a perspectivas de Literacia Emergente) enquanto outros concepções mais aproximadas de perspectivas Tecnicistas. Os dados mostraram também algumas associações entre o tipo de concepções tanto com o tipo de objectivos que estabelecem numa abordagem à literacia, como também com as actividades de literacia desenvolvidas nas suas salas.
The main purpose of this study was to characterize the beliefs of a group of preschool teachers about the development of the written language and the way they are related with the pedagogical practices. The beliefs and conceptions that pre-school teachers develop are important because they influence, not only the way they are going to act but the way they are going to learn, process and interpret the information from the educational context where they develop their practices as well. In Portugal, in 1997, the Curriculum Guidance for Pre-school Education (Ministry of Education, 1997) was published, where an attitude was taken in relation to the role of written language in kindergarten associated to perspectives of emergent literacy (Holistic). However, it’s not clear the way these ideas have been put out to the pedagogical practices in kindergarten contexts. Through a questionnaire, done to 91 pre-school teachers, it was verified that they diverged in their beliefs, outlining some beliefs much more holistic (associated to emergent literacy perspectives) while others had beliefs closer to skillsbased perspectives. The data also showed some associations of the kind of conceptions with both the kind of objectives established on an approach to literacy, as well as the literacy activities developed in the classrooms.
Descrição: Mestrado em Ciências da Educação na especialidade de Desenvolvimento Curricular e Avaliação
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/3321
Aparece nas colecções:BFMH - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese_Liliana Marques_FMH.pdf2,43 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.