Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/3085
Título: O impacto das mudanças da segurança social e da longevidade no comportamento de acumulação das famílias
Autor: Santos, Ana Cristina Costa Marques dos
Orientador: Silva, Carlos Pereira da
Palavras-chave: Políticas de reforma
Reforma
Segurança Social
Longevidade
Estudo de mercado
Comportamento acumulação
Retirement
Retirement Policies
Social security
Longevity
Market Research
Accumulation behaviour
Data de Defesa: Fev-2008
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Santos, Ana Cristina Costa Marques dos. 2008. "O impacto das mudanças da segurança social e da longevidade no comportamento de acumulação das famílias". Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão
Resumo: O comportamento de acumulação das famílias, numa perspectiva de futuro (reforma) sofre o impacto de um conjunto lato de variáveis: Longevidade crescente, alterações no sistema da segurança social, rendimentos auferidos, contribuições pagas, legislação nacional e internacional, entre outras. Enquadra-se o desenvolvimento demográfico Português desde o recenseamento de 1981; menciona-se as várias perspectivas legais da segurança social; compara-se com o que se passa noutros países da Europa (com especial destaque para a Suécia); aborda-se a capitalização no sistema de pensões em Portugal (verificando vários aspectos dos PPR’s e Fundos de pensões), entre outras questões analisadas. Com a finalidade de aferir qual o impacto das mudanças da segurança social e da longevidade no comportamento de acumulação das famílias, foram formuladas hipóteses e realizou-se um estudo de mercado implementado em Portugal continental que envolveu 682 inquiridos. Os dados recolhidos foram tratados em SPSS, de forma a dar resposta às hipóteses e a retirar conclusões no que concerne a: - Consciência da população para o aumento da longevidade e do período de reforma; - Relação entre comportamento/atitude de poupança e longevidade/período de reforma; - Influência da idade na posse de planos de reforma; - Se a dimensão do agregado afecta o comportamento de poupança; - Se o rendimento familiar altera o comportamento de poupança ou a probabilidade de possuir plano reforma
In a future perspective (retirement), families’ accumulation behaviour suffers the impact of a broad set of variables: Increasing longevity, changes in the social security system, incomes, paid contributions, national and international legislation, amongst others. Thus it is framed, Portuguese demographic development since the 1981 census; some legal perspectives of social security are mentioned; comparisons are made, with what happens in other European countries (with relevance to the Swedish case); capitalization in the Portuguese system of pensions is approached (checking some aspects of Retirement Savings Plans and Pension Funds), among other questions analysed. In order to ascertain the impact of changes in social security and longevity in families’ accumulation behaviour, hypotheses were formulated and market research was carried out involving 682 enquiries and implemented in continental Portugal. The data collected was treated in SPSS, in order to allow a proper reply to the assumed hypotheses and to reach conclusions concerning: The consciousness of the population about the increase in longevity and the retirement period; The relation between saving behaviour/attitude and longevity/retirement period; The influence of age in the ownership of retirement plans; If the dimension of family aggregates affects saving behaviour; If household income modifies saving behaviour or the probability of possessing retirement plans.
Descrição: Mestrado em Ciências Actuariais
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/3085
Aparece nas colecções:BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
DM - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TESE.pdf1,14 MBAdobe PDFVer/Abrir
ANEXO I- LEI 2000.pdf191,17 kBAdobe PDFVer/Abrir
ANEXO II- LEI 2002.pdf193,18 kBAdobe PDFVer/Abrir
ANEXO III- Inquérito Populacional.pdf157,26 kBAdobe PDFVer/Abrir
ANEXO IV- Análise descritiva.pdf274,94 kBAdobe PDFVer/Abrir
ANEXO V- Análise Indutiva.pdf360,14 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.