Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/2920
Título: O design de comunicação e o graffiti como meios cúmplices na personalização do espaço urbano
Autor: Correia, Inês Delicioso Vilela
Orientador: Gomes, António Silveira
Palavras-chave: Design da comunicação
Espaço urbano
Graffiti
Street Art
Novos media
Communication design
Urbaan space
New media
Data de Defesa: Dez-2010
Editora: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Arquitectura
Citação: CORREIA, Inês Delicioso Vilela - O design de comunicação e o graffiti como meios cúmplices na personalização do espaço urbano. Lisboa : FAUTL, 2010. Tese de Mestrado
Resumo: No contexto contemporâneo urbano que se vive, a ocupação do espaço público pela parte da sinalética e publicidade contribui fortemente para a definição da imagem da cidade. No entanto, não são somente estes dois movimentos que intervêm e que acabam a caracterizar os espaços. É possível discernirem-se outros meios comunicativos que partilham o acto de comunicar ao transeunte. Apresente-se o graffiti e a street art. Esta dissertação pretende questionar o papel do designer gráfico na paisagem urbana. Através de uma análise de movimentos urbanos e contra-culturas como o graffiti e a street art objectiva-se, com o documento aqui apresentado, investigar as suas influências na prática comunicacional aplicada às cidades. Actualmente começam a explorar-se novos campos de intervenção e novos media por parte dos designers. Como poderão eles ajudar à personalização/humanização da cidade? Pode o designer incorporar no seu projecto sabedorias de outros movimentos actuantes no meio urbano? Apoiada numa extensa revisão bibliográfica esta dissertação caracteriza os movimentos de graffiti e street art, as actividades do branding e do design de comunicação e relaciona todos estes factores intervenientes do espaço urbano para apontar novos focos de interesse na relação do design de comunicação com o espaço urbano.
Nowadays, the occupation of public space by signage and advertising industry is a defining factor of the urban landscape. However, these movements are not the only intervenients and are not the only ones characterizing the surrounding spaces. It is possible to find other communication media that share the act of communicating with the city. Meet graffiti and street art. This dissertation intends to question the graphic designer’s role in the city layout. The purpose of this document is, through an extensive analysis of urban movements and counter cultures like graffiti and street art, to investigate its influences in usual urban communication. Currently, the exploration of new fields of intervention and new media by graphic designers is emerging. How may they help the city finding more humanizing environment hypothesis? Could the designer incorporate in his work knowledge from other acting movements in the urban space? Based on a thorough bibliographic research, this dissertation characterizes graffiti and street art movements, as well as branding and communication design to better relate them as intervenient factors in the urban landscape. In this way, it is possible to indicate new points of interest in the activity of communication design when related to the public space.
Descrição: Tese de Mestrado em Design de Comunicação,
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/2920
Aparece nas colecções:DDCV - Teses de Mestrado / Master Thesis
BFA - Teses de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
dissertação.pdf11,58 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.