Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/2779
Título: Modelação do sucesso : o rendimento do andebolista português
Autor: Massuça, Luís Miguel Rosado da Cunha
Orientador: Fragoso, Maria Isabel Caldas Januário
Palavras-chave: Andebol
Biossocial
Fisiologia
Modelo
Morfologia
Psicologia
Selecção
Sucesso
Talento
Handball
Biosocial
Model
Morphology
Physiology
Psychology
Selection
Success
Talent
Data de Defesa: 29-Dez-2010
Resumo: O presente trabalho teve por objectivo analizar variáveis morfológicas, fisiológicas, psicológicas, técnico-tácticas e biossociais como predictoras de sucesso/rendimento em atletas de andebol do sexo masculino (n = 230, idades, 23.54 ± 5.24 anos). Efectuaram-se trabalhos complementares que suportam as opções metodológicas adoptadas nos cinco estudos principais. Estes cinco estudos tiveram como objectivos estudar o poder discriminante das variáveis morfológicas (Estudo I – Capítulo III), fisiológicas (Estudo II – Capítulo IV), psicológicas (Estudo III – Capítulo V) e biossociais (Estudo IV – Capítulo VI) face a atletas de andebol de níveis diferenciados e, quando oportuno, a atletas de andebol de diferentes posições de jogo. O Estudo V (Capítulo VII) visou a construção dum modelo estatístico que permite predizer o sucesso de atletas do andebol. Os principais resultados revelam que no andebol, a participação individual parece ser optimizada quando estão presentes (individualmente) um conjunto de características morfológicas (Capítulo III), fisiológicas (Capítulo IV), psicológicas (Capítulo V) e biossociais (Capítulo VI), sendo evidente a relação entre cada uma destas famílias de variáveis com o nível competitivo e com posição de jogo dos atletas. Em complemento, o conhecimento produzido e aglutinado no Estudo V (Capítulo VII), possibilitou a construção de dois modelos de regressão em que a probabilidade de sucesso dos atletas de andebol pode ser determinada através de uma abordagem científica interdisciplinar: (i) modelo de atleta de andebol (G2 (7) = 123.179, P <0.001; ROC c = 0.948, P <0,001) e (ii) modelo do atleta de campo de andebol (G2 (7) = 105.117, P <0.001; ROC c = 0.970, P <0.001). Em conclusão, esperamos que os modelos apresentados possam ser utilizados para seleccionar praticantes de andebol com elevado potencial de rendimento, de forma económicamente vantajosa e metodológicamente simples.
This study aimed to analyze morphological, physiological, psychological, technical-tactical and biosocial variables as predictors of success / performance of male handball athletes (n = 230, ages, 23:54 ± 5:24 years). There have been written some complementary studies that support the methodological choices adopted in the five major studies. These five studies had as objective to study the discriminating power of morphological (Study I - Part III), physiological (Study II - Chapter IV), psychological (Study III - Chapter V) and biosocial (Study IV - Chapter VI) variables when comparing handball athletes of different levels and, when appropriate, when comparing handball athletes that play in different positions. Study V (Chapter VII) aimed to develop a statistical model that can predict the success of handball players. The main results show that in handball, individual participation seems to be optimal when there are present (individually) a set of morphological characteristics (Chapter III), physiological (Chapter IV), psychological (Chapter V) and biosocial (Chapter VI), being evident the relationship between of each family of variables and the competitive level and the playing position of the handball athletes. In addition, the knowledge produced and gathered in Study V (Chapter VII) maked possible the construction of two regression models where the probability of success of handball athletes can be determined through an scientific multidisciplinary approach: (i) model of the handball athlete (G2 (7) = 123 179, P <0.001; ROC c = 0.948, P <0.001) and (ii) model of the field handball athlete (G2 (7) = 105 117, P <0.001; ROC c = 0.970, P <0.001). In conclusion, we expect that these models can be used to select handball practitioners with high potential level of performance, in an economically advantageous way and though a simple methodology.
Descrição: Doutoramento em Motricidade Humana na especialidade de Ciências do Desporto
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/2779
Aparece nas colecções:BFMH - Teses de Doutoramento / Ph.D.Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
PhD LUIS - Tese Definitiva.pdf16 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.