Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/2589
Título: Avaliação de eficácia de produtos biocidas no processo de autorização para comercialização, e sua aplicação no controlo de Culicoides em surtos de Língua Azul
Autor: Cepeda, Rui Manuel Santana
Orientador: Boinas, Fernando Jorge Silvano
Palavras-chave: Biocida
Avaliação de Eficácia
Insecticidas
Repelentes
Culicoides
Língua Azul
Biocide
Efficacy Assessment
Insecticide
Repellent
Bluetongue
Data de Defesa: 2010
Editora: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Cepeda. R.M.S. (2010). Avaliação de eficácia de produtos biocidas no processo de autorização para comercialização, e sua aplicação no controlo de Culicoides em surtos de Língua Azul. Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: Os recentes surtos de Língua Azul na Europa e a crescente ocorrência de outras doenças transmitidas por Culicoides e outros vectores levaram a reequacionar recentemente medidas de controlo de insectos vectores de modo a minimizar os riscos de doenças nos animais. Actualmente é realizada a utilização massiva de compostos com actividade insecticida e repelente na União Europeia. No entanto, a maior parte destes produtos está aprovado para utilização como insecticida ou repelente, mas não está demonstrado possuírem eficácia no controlo das espécies de Culicoides vectores do vírus da Língua Azul presentes na Europa. A autorização de comercialização de um produto biocida é dada pela autoridade competente após a avaliação da informação submetida pela empresa requerente. A Direcção Geral de Veterinária é a autoridade competente no caso dos biocidas de uso veterinário em Portugal. Esta dissertação resultou de um estágio profissionalizante na Direcção Geral de Veterinária, sendo a principal actividade desenvolvida a avaliação de eficácia de biocidas de uso veterinário. Nos vinte e nove produtos submetidos à Direcção Geral de Veterinária e avaliados, todos continham erros na sua fundamentação processual. Em onze itens avaliados no âmbito da eficácia, o autor contabilizou 97 erros. Os itens onde se detectaram maior número de erros foram o Mecanismo de acção (17,5%), Limitações à eficácia (18,5%) e Dados relativos à eficácia (29,9%). Os erros detectados foram agrupados em três tipos, Rótulo (quando considerado que a informação deveria ser especificamente incluída no rótulo), representando 5% do total, Alteração (quando foi proposta a alteração da informação apresentada), representando 18% do total e Dados insuficientes (quando os dados apresentados são insuficientes na justificação de todas as propriedades alegadas do produto), representando 77% do total. Foi possível concluir que a indústria apresenta dificuldades significativas na compreensão da legislação e dos requisitos técnicos, no seu cumprimento, assim como na fundamentação da eficácia dos seus produtos. O decurso de um período europeu de transição relativamente aos produtos biocidas até 2014, assim como um processo de revisão das substâncias activas autorizadas minora a gravidade dessas falhas. Para facilitar os procedimentos elaborou-se um documento incorporando a legislação e normativos existentes à data, facilmente actualizável no futuro, a disponibilizar pela Direcção Geral de Veterinária.
ABSTRACT - Efficacy Assessment of biocide products on their authorization for market placing and their application in the control of Culicoides on Bluetongue - The recent Bluetongue outbreaks in Europe and the arising occurrence of Culicoides and other diseases vector transmitted have leaded to rethink the control measures applied to minimizing disease risk in animal. Presently, in the European Union, are being used massively compounds with insecticidal or repellent activity. Most of those products are approved for insecticidal or repellent use but they efficiency in controlling Bluetongue vectors Culicoides is not demonstrated on most of them. The authorization for commercialization of a biocide product is given by the competent authority, after assessing the information submitted by the applying company. Direcção Geral de Veterinária is the competent authority for veterinary use biocide products in Portugal. This dissertation results of a professionalizing internship in Direcção Geral de Veterinária, being the assessment of efficacy of veterinary use biocide products the main activity. In the twenty nine products submitted to Direcção Geral de Veterinária and assessed, all contained errors in the data submitted. The eleven items evaluated for the efficacy assessment, were had 97 errors. The items where more errors were found were the mechanism of action (17,5%), limitations to efficacy (18,5%) and in the data related to efficacy (29,9%). These errors were grouped in three categories: Label (when was considered that data should be specifically included in the label) accounting for 5%, Change (when was proposed changes in the submitted data) accounting for 18% and Insufficient data (when the data submitted was not considered enough to justify the product efficacy) accounting for 77%. It was possible to conclude that the industry has severe difficulties in understanding the legislation and the technical requirements, achieving their goals and on justifying the efficacy of their products. The ongoing transitional period in the European Union, valid until 2014, as well as the reviewing program of the active substances authorized minimises these faults. To facilitate the industry with the submission protocols, was made a document using all the existing legislation, easily updatable, to be provided by Direcção Geral de Veterinária to the interested parts.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/2589
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.