Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/1968
Título: Flora das vinhas da Região Demarcada do Dão
Autor: Caetano, Maria de Fátima Piedade Baeta
Orientador: Monteiro, Ana Maria da Silva
Vasconcelos, Maria Teresa de Carvalho
Palavras-chave: flora
soil management
canonical analysis
cover cropping
soil tillage
gestão do solo
análise canónica de correspondências
enrelvamento
mobilização do solo
Região Demarcada do Dão
Data de Defesa: 2009
Resumo: This work presents a characterization of vegetation composition in Winegrowing Region of Dão. In spring 2008, vineyards were surveyed and winemakers inquires were carried out in Dão. 206 taxa were recorded and distributed in 31 families, with predominance of the Fabaceae, Asteraceae and Poaceae. The taxa with a relative frequency higher than 75% were Cerastium glomeratum, Chamaemelum fuscatum, Hypochaeris radicata, Ornithopus compressus, Poa annua, Raphanus raphanistrum, Rumex acetosella ssp. angiocarpus and Stellaria media. The perennials Convolvulus arvensis and Cynodon dactylon showed a frequency higher than 40% and abundance higher than 20 and 12 plants m-2, respectively. The predominant vineyard soil management, in inter row, was cover cropping (53 %), mostly by resident vegetation, and soil tillage (41%). Herbicides were applied mostly in the row (46%) of the vineyards, only 4% were applied in total area and 2% in inter row. The soil management in 50% of the rows was soil tillage. CCA analysis showed that specific species were associated to the variables of geographical situation and soil management. Some species appeared associated with cover cropping, e.g. Scorpiurus vermiculatus was associated to resident vegetation and some species of Trifolium to sown vegetation. A large number of species were associated to soil tillage.--------------------------Apresenta-se neste trabalho uma caracterização da ecologia da vegetação das vinhas da Região do Dão. Nas sete sub-regiões foram efectuados inventários e inquéritos aos viticultores, na Primavera de 2008. Registaram-se 206 táxones, distribuídos por 31 famílias, com predominância das Fabaceae, Asteraceae e Poaceae. As espécies com frequências relativas superiores a 75% foram Cerastium glomeratum, Chamaemelum fuscatum, Hypochaeris radicata, Ornithopus compressus, Poa annua, Raphanus raphanistrum, Rumex acetosella ssp. angiocarpus e Stellaria media. As vivazes Convolvulus arvensis e Cynodon dactylon apresentaram frequências relativas superiores a 40% e uma abundância média de 20 e 12 plantas m-2, respectivamente. Em mais de metade das vinhas procedia-se ao enrelvamento na entrelinha, natural ou semeado (53%) e nas restantes à mobilização (41%). Relativamente à aplicação de herbicidas, em 4% das vinhas fez-se monda química em toda a área, em 2% nas entrelinhas e em 46% nas linhas. Nas restantes vinhas (50%) as linhas foram mobilizadas. A análise canónica de correspondências revelou uma selecção de espécies em função da situação geográfica e dos tipos de gestão do solo. A espécie Scorpiurus vermiculatus aparece associada ao enrelvamento natural e diversas espécies de Trifolium spp. ao enrelvamento semeado. Um grande número de táxones está associado à mobilização do solo.
Descrição: Mestrado em Engenharia Agronómica - Instituto Superior de Agronomia
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/1968
Aparece nas colecções:BISA - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Flora das vinhas da Região Demarcada do Dão.pdf8,06 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.