UTL Repository >
Faculdade de Medicina Veterinária >
Biblioteca >
BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.5/1257

Título: O veterinário inspector no matadouro : estudo de fígados rejeitados de bovino
Autor: Miguel, Pedro Gonçalo Oliveira Domingos
Orientador: Ferreira, João Paulo Leite
Veloso, Maria Gabriela Lopes
Palavras-chave: Segurança alimentar
Matadouro
Veterinário oficial
Inspecção
Fígado
Food safety
Slaughterhouse
Meat inspection
Surgeon
Official veterinary
Liver
Issue Date: 28-Jul-2009
Editora: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: MIGUEL, P. G. O. D. (2009). O veterinário inspector no matadouro : estudo de fígados rejeitados de bovino. Dissertação de Mestrado, Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: A saúde humana depende em boa parte da qualidade e salubridade dos alimentos. A União Europeia tem desenvolvido legislação tentando definir e uniformizar os métodos de garantia de qualidade alimentar, sendo a segurança alimentar um assunto cada vez mais actual. Um dos objectivos do estágio foi aprender com o veterinário oficial do matadouro o exercício da sua actividade que, de acordo com a legislação em vigor na UE., inclui tarefas de auditoria e inspecção, controlo sobre a marcação de salubridade, responsabilidade na comunicação de resultados e na tomada de decisões relativamente às inconformidades com que é confrontado. No decurso do estágio inspeccionaram-se 17.809 bovinos, 928 caprinos, 67 equídeos, 4.583 ovinos e 83.330 suínos. O fígado é um órgão importante do ponto de vista funcional, pois participa em inúmeros processos metabólicos no organismo. Por isso, é constantemente sujeito a agressões que, dependendo da intensidade e duração, desencadeiam respostas por parte do órgão, com vista à sua recuperação. Apesar de ser um órgão com grande capacidade de regeneração, as lesões que o atingem são motivo de rejeição na inspecção post mortem. A taxa de reprovação de fígados de bovino foi de 18% e os processos patológicos mais frequentes foram fasciolose (35%), abcessos hepáticos (28%) e parasitoses inespecíficas (27%).
ABSTRACT - Human being’s health depends on the quality and salubrity of foods. The European Union has developed legislation in order to define and to standardize the methods of alimentary quality assurance, as food safety is becoming an actual subject. One of the objectives of the period of training was to learn with the official veterinarian of the slaughterhouse how to perform his activity which, in accordance with the actual legislation in the U.E., includes tasks of auditorship and meat inspection, control on the label of salubrity, responsibility in the communication of results and in the making of decisions when faced with unconformities. During the period of training it were inspected 17.809 bovine, 928 goats, 67 equine, 4.583 sheep and 83.330 swine. The liver is an important organ on the functional point of view, as it takes part in different metabolic processes in the organism. Therefore, it is constantly subject to aggressions to which it reacts with the aim to its recovery, which is achieved depending on the intensity and duration of the aggression. Although it is an organ with a considerable capacity of regeneration, its pathological alterations are the cause of rejection at post mortem inspection. The amount of rejected bovine livers was 18% and the most frequent pathological processes were fasciolosis (35%), hepatic abscesses (28%) and unspecified parasitoses (27%).
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/1257
Appears in Collections:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Files in This Item:

File Description SizeFormat
O Veterinário Inspector no Matadouro.pdf4,26 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

 
Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE