Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/1253
Título: Células Mato na retina : caracterização morfológica e funcional de uma nova população de células perivasculares autofluorescentes em situação fisiológica e de retinopatia
Autor: Jorge, Maria Luísa Mendes
Orientador: Pina, José António Rebocho Esperança
Ruberte París, Jesús
Palavras-chave: Células Mato
Macrófagos perivasculares
Função scavenger
Barreira hemato-retiniana
Metabolismo do ferro
Retinopatia
Mato cells
Perivascular macrophages
Scavenger function
Blood-retinal barrier
Iron homeostasis
Retinopathy
Data de Defesa: 2009
Editora: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Jorge, M.L.M. (2009). Células Mato na retina : caracterização morfológica e funcional de uma nova população de células perivasculares autofluorescentes em situação fisiológica e de retinopatia. Tese de Doutoramento, Universidade Técnica de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa
Resumo: A retina contém diferentes populações celulares derivadas dos monócitos: macrófagos perivasculares e células da micróglia. Neste trabalho, descreve-se a presença de um novo subtipo de macrófagos residentes, distintos das células da micróglia, localizados no espaço perivascular, em retinas humanas e de murganho. Estas células emitem uma fluorescência específica e expressam constitutivamente receptores scavenger da classe A. Exibem um movimento alternado constante, ao longo dos vasos sanguíneos, providenciando um revestimento adicional a áreas mais delgadas da parede vascular. Para além disso, acumulam peroxidase de rábano e lipoproteínas de baixa densidade acetiladas em circulação, sem rotura da barreira hemato-retiniana. No conjunto, estes resultados sugerem que estas células, com função scavenger, contribuem para o funcionamento da barreira hemato-retiniana. Acumulam, também, ferro, em lisossomas, provavelmente por um mecanismo de endocitose de ferritina, mediada por receptores TIM-2, sugerindo o seu envolvimento na homeostasia do ferro na retina e em situações de alteração desta. Em fases iniciais de degenerescência dos fotorreceptores, estas células migram para o local das lesões, sugerindo a sua participação nos processos de retinopatia. Todos estes aspectos são semelhantes aos descritos para as células Mato cerebrais. Por conseguinte, este estudo estabelece, pela primeira vez, a presença de células Mato na retina.
ABSTRACT - Retinal Mato cells: morphologic and functional characterization of a new autofluorescent perivascular cell population in physiological conditions and during retinopathy -- The retina contains distinct populations of monocyte-derived cells: perivascular macrophages and microglia. In this work we describe the presence in mouse and human healthy retinas of a new subtype of resident macrophages, present in the perivascular space, different from microglia. These cells emitted specific autofluorescence and constitutively expressed the scavenger receptor class A. They were seen to move in an oscillatory manner along blood vessels, providing an additional coating to thinner areas of the vascular wall. Furthermore, these macrophages also accumulated blood-borne horseradish peroxidase and acetylated low-density lipoprotein without blood-retinal barrier pathological disruption. Taken together these findings suggest that these cells fulfil a major role in the scavenging of blood-borne molecules contributing to blood-retinal barrier function. In addition, they stored iron in lysosomes, probably by the TIM-2 mediated binding of ferritin, indicating they probably are involved in retinal iron homeostasis and related disorders. These cells were also early detected at lesions during photoreceptor degeneration, suggesting a possible role in the onset and development of retinopathy. All these features are consistent with those described for brain Mato cells. Thus, this study shows, for the first time, the presence of autofluorescent perivascular Mato cells in the retina.
Descrição: Tese de Doutoramento em Ciências Veterinárias
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/1253
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Doutoramento
DMF - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Células Mato na retina.pdf37,59 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.