Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/10565
Título: Distúrbios comportamentais relacionados com o medo em cães
Autor: Teotónio, João Ricardo Ferreira
Orientador: Pereira, Gonçalo da Graça
Mateus, Luísa Maria Freire Leal
Palavras-chave: distúrbios comportamentais
medo
cães
behavioural disorders
fear
dogs
Data de Defesa: 2-Dez-2015
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Teotónio, J.R.F. (2015). Distúrbios comportamentais relacionados com o medo em cães. Dissertação de mestrado. Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: Os distúrbios comportamentais relacionados com o medo são comuns, induzem sofrimento nos animais e prejudicam os laços afectivos com os seus donos. O presente estudo procurou, por um lado, avaliar o envolvimento de variáveis intrínsecas e extrínsecas no desenvolvimento destes problemas, através de uma análise estatística comparativa do tipo multivariada; por outro descrever alguns factores na população de estudo que se demonstrem interessantes para a sua compreensão. Os resultados realçam a relevância do aconselhamento de qualidade na matéria por parte dos profissionais mais comummente solicitados (médicos veterinários e treinadores); confirmam que estes distúrbios podem ser diagnosticados nos primeiros meses de vida do animal (p<0.001); sugerem que coabitar com outros cães está positivamente correlacionado com o diagnóstico destes distúrbios (p<0.05). Por outro lado, o estudo comparativo evidencia as claras divergências na inferência de conclusões baseadas em métodos de análise estatística univariada e multivariada, alertando para a necessidade de adopção de abordagens rigorosas e adequadas na análise de relações biológicas. Estudos futuros deveriam dar mais ênfase aos aspectos genéticos do comportamento de medo, de forma a compreender a relevância destes no desenvolvimento de distúrbios relacionados.
ABSTRACT - FEAR-RELATED BEHAVIOURAL DISORDERS IN DOGS - Fear-related behavioural disorders are common in dogs and they not only induce suffering in the animals but they also damage the affective bond with their owners. The first part of the study aimed to assess the relevance of intrinsic and extrinsic variables in the development of such problems, using a comparative multivariate type statistical analysis. The second part sought to describe some factors in the studied population that could help in further understanding it. The results highlight the importance of giving quality advice to owners of these animals by both the veterinarians and professional trainers. It is concluded that fear-related disorders can be diagnosed as early as during the puppies’ first months (p<0.001) and a positive correlation was found between living with other dogs and being diagnosed with such disorders (p<0.05). The comparative study shows how disagreeing the conclusions can be when extracted from a univariate analysis procedure, compared to a multivariate one. This should serve as an alert for the need of adopting rigorous and adequate approaches when analysing biological relationships. Future studies should focus on the genetic characteristics of fear behaviour, thus allowing us to understand their relevance in the development of related disorders.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/10565
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Distúrbios Comportamentais Relacionados com o Medo em Cães.pdf2,1 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.