Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/10545
Título: Otimização dos medicamentos : a venda de medicamentos em quantidades individualizadas em Portugal
Autor: Ruivo, Stephan Michael Gaspar
Orientador: Pinto, Carlos Gouveia
Palavras-chave: Dispensa em quantidades individualizadas
unidose
dispensa de medicamentos e farmácias
Dispensing in individual amounts
bulk packaging
dispensing of drugs and pharmacies
Data de Defesa: 2015
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Ruivo, Stephan Michael Gaspar (2015). "Otimização dos medicamentos : a venda de medicamentos em quantidades individualizadas em Portugal". Dissertação de Mestrado, Universidade de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: A dispensa de medicamentos em quantidades individualizadas (unidose) é uma alternativa ao método que se pratica atualmente em Portugal, isto é, o método de caixa industrializada. Contudo, existe alguma controvérsia em relação ao impacto que uma possível alteração pode causar. Este estudo tem como objetivo analisar as consequências que a dispensa de medicamentos em quantidades individualizadas pode ter na gestão das farmácias. De forma a avaliar estas consequências foi realizado um inquérito dirigido às farmácias de Portugal Continental, sendo as perguntas construídas tomando como referência os grupos de custos definidos no estudo de Thornton (2007). Para analisar as respostas ao inquérito foi utilizado o teste do Qui-quadrado, complementado pelo coeficiente de contingência de Pearson, que permitiu medir a associação entre a dispensa de medicamentos em quantidades individualizas e o aumento dos custos decorrentes dessa alteração. Os resultados sugerem que a dispensa em quantidades individualizadas levará não só a um aumento dos custos para a farmácia, mas também a uma diminuição do valor das vendas e consequente degradação da respetiva rentabilidade. Além disso, indicam haver necessidade de serem implementados incentivos para que os problemas de gestão das farmácias dispostas a adotar o método sejam minorados.
The dispensing of drugs in individual amounts (bulk packaging) is an alternative to the method that is currently practiced in Portugal, i.e., the method of unit-of-use packages. However, there is some controversy regarding the impact that a possible change can cause. This study aims to analyze the consequences that the dispensing of drugs in bulk packaging may have in the management of community pharmacies. In order to evaluate the consequences it was conducted a survey directed to pharmacies in Portugal, the questions being formulated taking as reference the cost groups defined by Thornton (2007). The Chi-square test was used to analyze the survey, supplemented with Pearson?s coefficient of contingency, which allowed for the measurement of the association between dispensing of drugs in bulk packaging and the increased in costs resulting from this change. The results suggest that dispensing in bulk packaging shall lead not only to increased costs for the pharmacy, but also a decrease in the value of sales and consequent degradation of revenue. Also, they indicate that incentives directed to pharmacies willing to adopt the method should be implemented in order to minimize management problems.
Descrição: Mestrado em Contabilidade, Fiscalidade e Finanças Empresariais
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/10545
Aparece nas colecções:DG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-SMGR-2015.pdf1,18 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.