Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/10437
Título: Impacto das condições climatéricas no retorno e volatilidade bolsista
Autor: Bulhões, Gonçalo Nuno Pereira
Orientador: Caiado, Aníbal Cristóvão
Palavras-chave: Efeitos meteorológicos
GARCH
volatilidade
finanças comportamentais
PSI20
Weather effect
volatility
behavioral finance
Data de Defesa: 2015
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Bulhões, Gonçalo Nuno Pereira (2015). "Impacto das condições climatéricas no retorno e volatilidade bolsista". Dissertação de Mestrado, Universidade de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: Serão os preços dos constituintes dos mercados bolsistas totalmente dependentes de fatores racionais e económicos ou terão os fatores psicológicos e emocionais um papel importante na definição de preços? O presente trabalho parte, numa primeira fase, da análise dos factos estilizados de todos os constituintes do PSI20 e do próprio índice em si e, posteriormente, analisa o efeito das variáveis meteorológicas e prémio de risco nos retornos e volatilidade dos respetivos constituintes em 3 períodos distintos: antes da adesão da bolsa de valores portuguesa (BVP) à Euronext, depois da adesão da BVP à Euronext e no período que compreende o antes e o depois da adesão da BVP à Euronext. Pretende-se assim captar, essencialmente, o efeito das variáveis meteorológicas num período em que apenas se transacionavam títulos dentro do país, sendo desta forma os investidores abrangidos exclusivamente pelo clima nacional. Após aplicação de 3 modelos, AR(1)-EGARCH-M, AR(1)-TARCH-M e AR(1)-GARCH-M, conclui-se que, apesar de se verificar em poucos constituintes, existe significância estatística de que a nebulosidade baixa tem efeitos positivos nos retornos bolsistas, no período total e posterior à adesão da BVP à Euronext. Os resultados das estimações antes da adesão da BVP à Euronext evidenciam maior significância estatística na variável "temperaturas altas", igualmente com impactos positivos nos retornos mas com pesos muito superiores.
Are the stock prices only a rational reflection of value or indeed emotional and psychological factors play an important role in pricing? This work starts, initially analyzing the stylized facts of all the constituents of the PSI20 and the index itself and then analyzes the effects of meteorological variables and risk premium on the returns of their constituents before and after the accession of the Portuguese Stock Exchange (PSE) to Euronext and in the period that includes the previous two, analyzing its impact on volatility. The aim is to capture, essentially, the effect of meteorological variables at a time when the titles were just traded within the country, and thus the investors covered exclusively by the national weather. After application of 3 models, AR(1)-GARCH-M, AR(1)-TARCH-M and AR(1)-GARCH-M, it is concluded that there is statistical significance that the low cloudiness variable has positive effects on returns in the whole period and after the accession of PSE to Euronext, although it is found in few constituents. The estimation results before the accession of PSE to Euronext suggest greater statistical significance in the variable "high temperatures", with stronger positive impact on returns.
Descrição: Mestrado em Decisão Económica e Empresarial
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/10437
Aparece nas colecções:DM - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-GNPB-2015.pdf943,25 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.