Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/10434
Título: A participação dos pais na identificação de situações de risco no desenvolvimento infantil : estudo exploratório com a utilização do Parents' Evaluation of Developmental Status: Developmental Milestones [PEDS:DM]
Autor: Gonçalves, Ana Sofia Correia
Orientador: Brandão, Maria Teresa Perlico Machado
Palavras-chave: Desenvolvimento infantil
Identificação precoce de atrasos do desenvolvimento infantil
Perturbações do desenvolvimento
Intervenção precoce
Sinais de risco
Envolvimento das famílias
Rastreio do desenvolvimento infantil
Instrumentos de rastreio
Parents’ Evaluation of Developmental Status: Developmental Milestones (PEDS: DM)
Child development
Early identification of delays in child development
Developmental disorders
Early intervention
Risk signals
Involvement of families
Screening of child development
Screening tools
Data de Defesa: 2015
Resumo: O rastreio do desenvolvimento consiste numa avaliação breve do desenvolvimento da criança por forma a identificar desvios ou atrasos que justifiquem uma avaliação mais aprofundada do desenvolvimento com vista a uma intervenção precoce e mais eficaz. Sabe-se que o enfoque exclusivo na criança, durante este tipo de avaliação, torna este momento de recolha de informação demasiado redutor e, muitas vezes, não isento de erro pelo que os pais constituem uma importante fonte de informação, dado o seu conhecimento da história da criança, da sua experiência, da sua situação atual e do contexto da própria família. Em Portugal, o rastreio precoce do desenvolvimento é efetuado sobretudo em consultas médicas de rotina, sendo a participação dos pais nestes processos, praticamente inexistente. Neste momento, estão a dar-se os primeiros passos na tradução e adaptação à realidade portuguesa, através de estudos exploratórios, de instrumentos de rastreio do desenvolvimento infantil, como a AGS e PEDS:DM, esperando-se que, num futuro próximo, os pais possam ser chamados a ter uma participação mais ativa em todo o processo de rastreio. O presente trabalho tem como objetivo dar um contributo nesse sentido, tendo sido organizado em diferentes partes ou artigos que pretendem: fazer uma revisão teórica do que já se sabe acerca do desenvolvimento infantil e do envolvimento da família; dar um contributo ao complexo e extensivo processo de adaptação de instrumentos de rastreio à realidade portuguesa, através do estudo de validadade de conteúdo do PEDS:DM e, finalmente, fazer um estudo exploratório com base na aplicação do mesmo instrumento. O primeiro artigo “Rastreio do Desenvolvimento Infantil e Envolvimento da Familia” faz uma revisão teórica dos fatores que influenciam o desenvolvimento infantil, da importância da identificação do risco de perturbação do desenvolvimento e consequente necessidade de implementação de rotinas de vigilância do desenvolvimento e de rastreios periódicos de perturbações do desenvolvimento, com o envolvimento da família. Faz ainda um levantamento de instrumentos de rastreio do desenvolvimento infantil, nomeadamente dos que requerem a elicitação direta de competências por parte da criança, dos que incluem a elicitação direta de competências por parte da criança e o relato dos pais e dos que assentam unicamente no relato dos pais sobre as competências da criança. O segundo artigo “Parents’ Evaluation of Developmental Status: Developmental Milestones (PEDS:DM) – Um Contributo para o Estudo da Validade de Construto” assenta no facto de dois estudos já efetuados em Portugal, com este instrumento serem reveladores de tendências idênticas de identificação de um número de crianças em risco muito superior ao esperado, criando a necessidade de mais estudos, nomeadamente sobre a validade do instrumento. Considerando que o processo de adaptação cultural e validação de instrumentos é demasiado complexo e moroso, pretende-se, com este estudo, dar um contributo para a análise da validade de construto do PEDS:DM, através da análise efetuada por um painel de peritos em desenvolvimento infantil, acerca da adequadabilidade dos itens do instrumento ao que se pretende avaliar. Este estudo veio mostrar que a adaptação cultural do PEDS:DM à população portuguesa parece não constituir um processo linear, podendo ser necessária uma alteração estrutural do instrumento, com retirada ou substituição dos itens considerados problemáticos, nomeadamente ao nível do domínio a que pertencem e que, conforme se verificou, estão presentes noutras escalas de avaliação, embora de forma inconsistente, como avaliadores de diferentes domínios. Verifica-se assim a necessidade de aprofundar os estudos de validação deste instrumento. O terceiro artigo “Participação dos Pais na Identificação de Situações de Risco no Desenvolvimento Infantil: Um Estudo Exploratório com base no Parents’ Evaluation Of Developmental Status: Developmental Milestones (PEDS:DM)” envolve a utilização do PEDS:DM, um instrumento utilizado para despiste de alterações ou atrasos no desenvolvimento infantil, em crianças dos 0 aos 8 anos, baseado na resposta dos pais relativamente ao desenvolvimento dos seus filhos, a uma amostra de 996 pais de crianças desta faixa etária. Os resultados obtidos mostram uma percentagem muito elevada de crianças com sinais de risco de perturbação do desenvolvimento, superior à obtida nos estudos de validação original do instrumento e à prevalência conhecida de perturbações do desenvolvimento na infância. Em termos globais, os resultados deste estudo, associados aos outros dois já efetuados com a utilização deste instrumento na população portuguesa, mostram que é necessário um estudo mais aprofundado das propriedades psicométricas do PEDS:DM com vista à verificação da sua adequação à realidade portuguesa e posterior validação.
Developmental screening is a brief assessment of child development in order to identify deviations or delays that will justify further evaluation of the development to ensure an early and effective intervention if necessary. It is known that the exclusive focus on child during this type of evaluation, makes this moment of reduced information gathering and often not free from error, so we must remember that parents are an important source of information, given their knowledge of child's history, their experience, their current situation and their own family context. In Portugal, the developmental screening is mainly done in routine medical visits, with the participation of parents in these cases, nonexistent. At this time, we are giving the first steps to the translation and adaptation to the Portuguese reality through exploratory studies with screening instruments as the AGS and PEDS: DM, and it is expected that, in the near future, parents can assume a more active role throughout the screening process. This paper aims to contribute in this direction, and it is organized in different parts or articles: a theoretical review of what is already known about child development and family involvement; a contribute to the complex and extensive process of adaptation screening tools to the Portuguese reality, through the content validaty study and, ultimately, an exploratory study based on the application of this instrument. The first article "Child Development Screening and Family Involvement" is a theoretical review of the factors that influence child development, the importance of identifying the risk of disturbance in child development and the need for the implementation of child development surveillance protocols and periodic screening of developmental disorders, with family involvement. It still does a survey of child development screening tools, in particular requiring the direct elicitation skills by the child, including the direct elicitation skills from the child and parents’ report and those that are based solely on the report of the parents upon the children's skills. The second article "Parents' Evaluation of Developmental Status: Developmental Milestones (PEDS: DM) - A Contribution to the Study of Construct Validity" is based on the fact that the two studies already carried out in Portugal, with this instrument are revealing of identical trends, with an identification of risk much higher than the expected, creating the need for more studies, particularly on instrument’s validity. Since the process of cultural adaptation and validation of tools is too complex and time consuming, it is intended, with this study, to contribute to the analysis of construct validity of the PEDS: DM, through the analysis carried out by a panel of experts in child development, about the adequability of the items in relation to what it assesses and in what ages. This study has shown that cultural adaptation of PEDS: DM to the Portuguese population seems to be an unlinear process that may require a structural change of the instrument, with removal or replacement of items considered problematic, particularly at the domain level to which they belong and that, as it turned out, are present in other scales, though inconsistently, as evaluators of different domains. Thus, there is the need for further validation studies of this instrument. The third article "Parental Participation in the Identification of Risk Situations in Child Development: An Exploratory Study Based on Parents' Evaluation Of Developmental Status: Developmental Milestones (PEDS: DM)" involves the use of PEDS: DM, a screening instrument used to identify delays in child development, in children from 0 to 8 years, based on the parents' response regarding the development of their children, to a sample of 996 parents of children in this age group. The results showed a very high percentage of children with developmental disorder risk signals, higher than that obtained in studies of original validation of the instrument and the prevalence of known developmental disorders in childhood. Overall, the results of these studies, associated with the other two already made with the use of this instrument in the Portuguese population, show a need for further study of the psychometric properties of the PEDS:DM regarding the verifucation of its adequacy to the Portuguese reality and subsequent validation.
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/10434
Designação: Mestrado em Reabilitação Psicomotora
Aparece nas colecções:BFMH - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Versão Definitiva TESE Ana Sofia Gonçalves.pdf1,53 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.