Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/10278
Título: A relação entre os atributos intrísecos e extrínsecos do produto, qualidade percebida e qualidade experienciada : o caso dos iogurtes da marca de distribuição Pingo Doce
Autor: Guedes, Isabel Beja Nobre
Orientador: Tavares, Patrícia Nunes
Palavras-chave: Qualidade percebida
atributos intrínsecos
atributos extrínsecos
marca de fornecedor
marca de distribuição
Perceived quality
intrinsic cues
extrinsic cues
store brands
brand labels
Data de Defesa: 2011
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Guedes, Isabel Beja Nobre (2011). "A relação entre os atributos intrísecos e extrínsecos do produto, qualidade percebida e qualidade experienciada : o caso dos iogurtes da marca de distribuição Pingo Doce". Dissertação de Mestrado, Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: O presente estudo visa avaliar de que forma os atributos intrínsecos e extrínsecos se relacionam com a qualidade percebida e qualidade experienciada. O foco deste estudo são os iogurtes da marca Pingo Doce. Os principais objectivos deste estudo serão: (1)avaliar quais destes atributos tem mais influência na percepção de qualidade; (2)observar se a percepção de qualidade varia entre produtos de marca de fornecedor e marca da distribuição; (3) se factores sócio culturais influenciam a avaliação do produto. Adopta-se assim o modelo de Wierenga (1982), para aferir a percepção de qualidade. Foi utilizado o método quantitativo, através de inquéritos por questionário a umaamostra de 103 consumidores de iogurtes. Os resultados permitem concluir que: (1) os atributos que têm mais peso na percepção de qualidade são os atributos extrínsecos, em particular e com mais relevância o preço e apresentação; (2) os iogurtes de marca de fornecedor são percebidos como tendo mais qualidade que os iogurtes de marca da distribuição; (3) o rendimento médio do agregado familiar está relacionado com a compra de iogurtes de marca de fornecedor.
The aim of this exploratory study is to evaluate how consumers perceive quality of a specific yogurt store brand, Pingo Doce. Usually that evaluation depends on intrinsic and extrinsic attributes and it will be possible to observe which of them are more relevant for that evaluation. The principal goals of this study are: (1) To evaluate which of the attributes are more relevant in the quality judgment; (2) understand if that valuation varies between national brands and store brands (3) if demographic data influences product evaluation. The model which this study is based on is from the author Wierenga (1982) that has developed it to verify the quality perception. The data was obtained by a quantitative method via questionnaires, in a sample of 103 yoghurt consumers. The conclusions presented are (1) extrinsic cues have more weight on the perception of quality, in particular the price and presentation; (2) brand labels are perceived with more quality instead of store brand yoghurts; (3) the income is related to the choice of the product brand.
Descrição: Mestrado em Marketing
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/10278
Aparece nas colecções:DG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-IBNG-2011.pdf920,66 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.