Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/10276
Título: Mutualidades de Saúde : um caminho para o empoderamento feminino : o caso das associações de mulheres na Guiné-Bissau
Autor: Costa, Jerusa Maria Cândida Sequeira da
Orientador: Casaca, Sara Falcão
Palavras-chave: empoderamento feminino
igualdade de género
mutualidades de saúde
saúde reprodutiva
women's empowerment
gender equality
mutualities
reprodutive health
Data de Defesa: 2011
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Costa, Jerusa Maria Cândida Sequeira da (2011). "Mutualidades de Saúde : um caminho para o empoderamento feminino : o caso das associações de mulheres na Guiné-Bissau". Dissertação de Mestrado, Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: Cerca de metade da população mundial encontra-se excluída dos sistemas de saúde básica, expondo ao risco de doença os segmentos populacionais mais vulneráveis, com fortes impactos, sobretudo, no ciclo de vida das mulheres. As estratégias internacionais e nacionais de promoção da igualdade de género investem cada vez mais na melhoria de condições de vida das mulheres na saúde e educação para a saúde, e incentivo à autonomização económica no seio familiar. A falta de recursos e a desresponsabilização dos Estados na prestação de cuidados de saúde remete para os sectores privado e associativo, a responsabilidade de protecção social. A comunidade internacional vê na constituição de mutualidades comunitárias de saúde um instrumento alternativo e eficaz ao financiamento da saúde pelos Estados. Um importante princípio de constituição destas estruturas assenta na integração da perspectiva do género e melhoria da situação da mulher nas agendas políticas e definição de estratégias globais de combate à pobreza, promoção da igualdade de género e protecção dos direitos humanos. Na Guiné-Bissau, as mutualidades comunitárias de saúde servem à melhoria da saúde reprodutiva e materno infantil, à capacitação e empoderamento feminino (educação e empregabilidade) e ao reconhecimento social da mulher. As iniciativas, acções e programas do âmbito do movimento mutualista incidem, essencialmente, nas associações comunitárias femininas, apelando à co-responsabilização comunitária e ao auto-financiamento, influenciando o papel da mulher na sociedade guineense e a modernização das relações de género.
Around half the World's population are excluded from basic health systems, endangering the most vulnerable population segments, mainly women. National and international strategies to promote gender equality and women empowerment are increasingly investing in the improvement of women's living conditions, in terms of health, health education, economic autonomy and empowerment within the family. Lack of resources and insufficient/lack of accountability of States in health care have called for the intervention of private and voluntary sectors, as responsible actors for social protection. Community health mutualities are seen by the international community as an alternative and effective tool for the provision f basic health services governments health financing for the provision of basic health services. An important principle focuses on gender mainstreaming and improvement of women's situation - issue that have been integrated integrated into the countries political agenda and design of global strategies for combating poverty, promoting gender equality and protecting human rights. In Guinea-Bissau, the community health mutualities contribute to improve reproductive, maternal and children health, through the provision of training, women's empowerment in education and employability, the social recognition of women. The initiatives, actions and programs carried out under the mutual movement focus primarily on community associations formed by women, calling for joint responsibility and community self-financing of mutual health organizations. The constitution of the mutualities influences women's role in the Guinean society and promote the modernization of gender relations.
Descrição: Mestrado em Desenvolvimento e Cooperação Internacional
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/10276
Aparece nas colecções:DE - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-JMCSC-2011.pdf787,03 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.