Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/10265
Título: The state´s role on the iberian stock markets : from privatization to the state as an investor
Autor: Cabeças, João Miguel Justino
Palavras-chave: Privatização
Empresas de Capitais Públicos
Portugal
Espanha
Privatization,
State Owned Enterprises
Spain
Data de Defesa: 2011
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Cabeças, João Miguel Justino (2011). "The state´s role on the iberian stock markets : from privatization to the state as an investor". Dissertação de Mestrado, Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: As privatizações tendem a levar a um aumento da performance e eficiência das empresas bem como um melhoramento dos saldos orçamentais do estado, acompanhado de um aumento de concorrência (Carreira, Megginson e Netter, 2001). Desta forma, o objectivo do trabalho é estudar se as privatizações realizadas na última década, em Portugal e Espanha, foram realmente benéficas e se o processo de privatização se traduziu em melhorias para as empresas envolvidas. Este trabalho, suportado numa revisão de literatura de cerca de 60 artigos, contempla uma comparação dos períodos pré e pós privatização, bem como uma comparação entre os indicadores das empresas privatizadas e das ainda empresas de capitais públicos. Procura-se ainda analisar o papel da estrutura de capital e a sua influência nas melhorias trazidas pelas privatizações. O estudo replica os métodos utilizados Omran, M. (2004) and McGuinness, P. and Ferguson, M. (2005). Os resultados mostram que não existe uma melhoria significativa de performance após a privatização, nem uma interferência da estrutura de capital, mas apenas uma melhoria da eficiência operacional.
The privatization of state owned enterprises (SOEs) tend lead to an increase in performance and efficiency, an improvement in the fiscal budget, followed by an increase in competition. (Carreira and Megginson and Netter, 2001). The goal of this study is to analyse if the Portuguese and Spanish privatization processes, in order to determine if the privatizations done in the last decade really led to improvements among the privatized firms. The study, backed by a literary review of circa 60 publish articles, provides a comparison between the pre and post privatization periods of the privatized companies, as well as a comparison between the same privatized firms and existing SOEs. Furthermore, it is investigated the influence the capital structure may have in such improvements. This study replicates the methods used by Omran, M. (2004) and McGuinness, P. and Ferguson, M. (2005). The results show that there is no evidence of significant improvements in performance or any capital structure influence, but rather an improvement in operational efficiency.
Descrição: Mestrado em Contabilidade, Fiscalidade e Finanças Empresariais
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/10265
Aparece nas colecções:DG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-JMJC-2011.pdf750,89 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.