Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/10232
Título: In vitro comparative studies on new targets for cancer therapy, and characterization of their biomolecular effects
Autor: Rasteiro, Ana Mafalda Fonseca
Orientador: Dacasto, Mauro
São Braz, Berta Maria Fernandes Ferreira
Palavras-chave: Canine mast cell tumour
G-quadruplex
HGC27
KIT
MCF7
Small molecule inhibitors
Mastocitoma
Pequenas moléculas inibidoras
Data de Defesa: 5-Nov-2015
Editora: Universidade de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Citação: Rasteiro, A.M.F. (2015). In vitro comparative studies on new targets for cancer therapy, and characterization of their biomolecular effects. Dissertação de mestrado. Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina Veterinária, Lisboa.
Resumo: KIT is a type III receptor tyrosine kinase encoded by the KIT proto-oncogene. Mutations in KIT and dysregulation of KIT receptor have been implicated in the pathogenesis of several diseases, including human gastrointestinal stromal tumours and canine mast cell tumours, being this latter one of the most frequent cutaneous neoplasms in the dog. Despite the relatively successful use of tyrosine kinase inhibitors in the treatment of this disease, drug resistance frequently develops over time. G-quadruplexes are DNA secondary structures; potential G-quadruplex-forming sequences have been identified in the promoter region of several human oncogenes that are associated with cell growth and proliferation, including human KIT and, recently, its canine counterpart. Increasing evidence points to the potential role of G-quadruplexes in regulation of gene expression. Accordingly, the selective targeting and stabilization of G-quadruplexes by small molecule inhibitors has been studied as a novel anticancer approach. In the present dissertation, the time and dose-dependent effects of three candidate small molecule inhibitors on the expression of KIT, as well as of other proto-oncogenes comprising G-quadruplexes within their promoter regions were assessed. Two disubstituted amido-anthraquinones (compounds 1 and 2), and one bisantrene-analogue (compound 3) were studied, in two human cell lines (MCF7 and HGC27). The obtained results suggest that compound 1 was the most effective in stabilizing KIT G-quaduplex structures and inhibiting mRNA expression; furthermore, the transcriptional effect was confirmed at the protein level. The most pronounced modulation at the protein level was achieved by compound 3. Compound 2 did not cause significant changes in the expression of any of the investigated proto-oncogenes. All in all, the direct targeting of KIT proto-oncogene G-quadruplexes with compounds 1 and 3 might be a promising treatment alternative to the tyrosine kinase inhibitors, in both human and canine KIT-related tumours and, particularly, canine mast cell tumours.
RESUMO - Estudos comparativos in vitro de novos alvos para terapia do cancro, e caracterização dos seus efeitos biomoleculares - O KIT é um recetor de tirosina quinase tipo III codificado pelo proto-oncogene KIT. A ocorrência de mutações no KIT e a desregulação do recetor KIT têm sido implicadas na patogénese de diversas doenças, incluindo os tumores do estroma gastrointestinal no homem e os mastocitomas caninos, sendo estes últimos uma das neoplasias cutâneas mais frequentes no cão. Os inibidores da tirosina quinase têm sido usados com relativo sucesso no tratamento desta doença, contudo com o tempo desenvolve-se, frequentemente, resistência a estes fármacos. Os G-quadruplexes são estruturas secundárias de ADN. Na região promotora de vários oncogenes humanos, que estão associados a crescimento e proliferação celular e que incluem o KIT humano e, recentemente, o seu congénere canino, têm sido identificadas potenciais sequências formadoras de G-quadruplex. Evidências crescentes apontam para o papel potencial dos G-quadruplexes na regulação da expressão génica. Nesse sentido, a atuação seletiva e estabilização de G-quadruplexes por meio de pequenas moléculas inibidoras tem sido estudada como uma nova abordagem anti tumoral. Na presente dissertação foram avaliados os efeitos, dependentes do tempo e da concentração, de três moléculas possivelmente inibidoras na expressão do KIT, bem como de outros proto-oncogenes que contêm G-quadruplexes nas suas regiões promotoras. Assim, foram estudadas duas amido-antraquinonas dissubstituídas (compostos 1 e 2), e um análogo do bisantreno (composto 3), em duas linhas celulares humanas (MCF7 e HGC27). Os resultados obtidos sugerem que o composto 1 foi o mais eficaz na estabilização de estruturas G-quadruplex do KIT e na inibição da expressão de ARNm, tendo o efeito transcricional sido confirmado a nível proteico. A modulação mais acentuada a nível proteico foi alcançada pelo composto 3. O composto 2 não causou alterações significativas na expressão de qualquer um dos proto-oncogenes avaliados. Em conclusão, a atuação direta dos compostos 1 e 3 sobre os G-quadruplexes no proto-oncogene KIT poderá ser uma promissora alternativa de tratamento aos inibidores da tirosina quinase em tumores humanos e caninos associados ao KIT, e em mastocitomas em particular.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/10232
Aparece nas colecções:BFMV - Teses de Mestrado 2º. Ciclo



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.