Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.5/10136
Título: An alternative stock index for benchmarking portuguese investment funds
Autor: Gouveia, André Gonçalves Pinto de
Orientador: Duque, João
Palavras-chave: Avaliação Performance
UCITS
Alfa
PSI20
Benchmarking
Alpha
Mutual fund performance
Data de Defesa: 2011
Editora: Instituto Superior de Economia e Gestão
Citação: Gouveia, André Gonçalves Pinto de (2011). "An alternative stock index for benchmarking portuguese investment funds". Dissertação de Mestrado, Universidade de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.
Resumo: O índice PSI 20 é o padrão de referência por excelência da Euronext Lisboa. No entanto, os gestores de fundos portugueses que investem em ações nacionais podem não ter a possibilidade de replicar a carteira do PSI 20, devido às restrições ao investimento impostas pela regulação europeia para os mercados financeiros, nomeadamente as Diretivas UCITS. Este trabalho vai analisar até que ponto estas limitações podem ser impeditivas da performance dos fundos de investimento. É feita uma caracterização da legislação aplicável, bem como do segmento de fundos de investimento em ações nacionais que atuam no mercado nacional. Criou-se um índice alternativo ao PSI 20 para o período 2004-2011, respeitando os limites legais ao investimento, que servirá como benchmark da performance da amostra de fundos de investimento, que inclui todos os fundos em atividade durante o período completo em análise. Verificou-se que a nova série de rendimentos do mercado obtida, conquanto não sendo estatisticamente diferente do PSI 20, apresentou um retorno superior e volatilidade ligeiramente inferior. Procedeu-se à avaliação da performance utilizando indicadores clássicos. Os resultados obtidos sugerem que a maior diversificação imposta pela legislação não tem necessariamente um impacto negativo sobre os retornos obtidos, e que a comparação com um índice sujeito às mesmas regras dos fundos não leva a conclusões mais favoráveis à gestão ativa. Não se encontrou qualquer prova que os gestores de fundos, enquanto grupo, consigam obter de forma consistente uma performance acima do retorno do mercado, ajustado pelo risco.
While the PSI 20 blue-chip index has been widely used as a benchmark for the Portuguese stock exchange, it may not be replicable by fund managers due to investment limits imposed in UCIT European regulation. This dissertation compares the relative performance of a set of Portuguese mutual funds against both the standard PSI 20 benchmark and a modified version which fully respects said limits. Results show that the greater diversification imposed by the legal rules does not necessarily imply a sacrifice in terms of returns, and that no evidence was found of consistent, abnormal returns by active management, when evaluated by the modified benchmark.
Descrição: Mestrado em Finanças
URI: http://hdl.handle.net/10400.5/10136
Aparece nas colecções:DG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis
BISEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM-AGPG-2011.pdf474,43 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.